Avançar para o conteúdo principal

Primal Scream em Modo Pop



Os Primal Scream são parte da onda avassaladora de rock indie britânico das décadas de 80 e 90. Bobby Gillespie, fundador da banda, era baterista nos Jesus and Mary Chain. Acabou por criar em 1982 um grupo que era completamente o oposto daquilo que se estava a fazer na altura. Screamadelica, lançado em 1991,é uma das grandes obras primas do grupo, que em digressão revisita o clássico. Portugal é uma das próximas estações, já a 7 de Julho, no Optimus Alive.

Por Júlia Rocha


Contudo,  a carreira da banda só arrancou definitivamente quando Gillespie deixou os Jesus and Mary Chain. Os Primal Scream são escoceses, mas sediaram-se recentemente em Londres.

Começaram na onda indie, do rock alternativo. Mas com o encerramento da década de oitenta, a música dance começava a emergir. Além de Bobby Gillespie, a banda conta ainda com Andrew Innes, Jim Beattie, Marin Duffy, Mani Mounfield e Darrin Mooney. O seu primeiro álbum foi lançado em 1987: Sonic Flower Groove e em 1989 o álbum homónimo Primal Scream. Foi neste disco que começaram a explorar o lado mais dance da sua música.

Ao longo da sua longa carreira vários dos seus temas têm feito parte da cultura popular, como por exemplo do tema-título do filme Trainspotting. Foram-se mantendo na onda dance pop, mas nunca perderam completamente as suas origens. 

A música que trazemos hoje, ao Som à Letra é Movin’ on Up do álbum Screamadelica, lançado a 23 de Setembro de 1991. Esta obra foi bastante aclamada pela crítica e simbolizou a definitiva transição de estilos. O grupo cimentava a sua posição no mundo house e aos “auxiliares” associados como o ecstasy. O DJ Andrew Weatherall participou na produção deste album. Weatherral já tinha feito um remix do álbum anterior, que tinha agradado ao grupo. O single Movin’ on Up foi a grande rampa de lançamento deste álbum, atingindo o número 2 na tabela americana “Modern Rock Tracks”.

A título de curiosidade, a capa de Sreamadelica foi escolhida para fazer parte da colecção de selos do Reino Unido. Foi considerado um álbum que transcende o seu tempo em termos de influência. Para comemorar o 20º aniversário do seu lançamento, os Primal Scream deram um concerto no Olímpia, em Londres a 26 e 27 de Novembro de 2007. Esta actuação contou com o apoio de um coro gospel.

Mas temos de recordar que os Primal Scream conseguem ser autênticos camaleões musicais. Depois de uma série de espectáculos, o grupo comelçou uma tour em Março deste ano no Reino Unido. 

Movin’ on Up abre o álbum e tem um estilo semelhante ao som típico dos Rolling Stones. O gospel está presente nesse tema, conjugado com a voz de Bobby Gillespie. Parte da letra é retirada do tema Yoo Doo Right dos Can, e há quem compare a lerta a Amazing Grace. Movin’ on Up foi escrita por Bobby Gillespie, Andrew Innes e Robert Young. O som nada se parece com o house ou o dance, mas demonstra bem o que os Primal Scream têm feito até hoje, uma mistura de estilos e sentimentos. Screamadelica foi um trabalho como só os Primal Scream podem fazer e que todos podem revisitar já a 7 de Julho, no Optimus Alive.

Para recordar:

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Foto da Semana

Iggy Pop Foto:Annie Leibovitz

Charles Chaplin

 Filme "Luzes da Cidade" na Máquina do Tempo

Link da imagem

O Amor é cego
O amor é cego, não escolhe idade nem classe social. Não é interesseiro, é invisível e arde sem se ver, como tão bem demonstra Charles Chaplin no filme "Luzes da Cidade", de 1931. A película rodada em época de eclosão dos filmes sonoros é centrada numa história de amor simples, inocente, muda, mas que dá muito que pensar. 
Por Irene Leite 
Antes de mais, destaque para o olhar encantador que Chaplin impregna em cada cena do filme. É a filosofia do Carpe Diem, de viver e desfrutar cada momento, normalmente associado a aventuras deliciosamente caricatas. 
Em "Luzes da Cidade" assistimos à história de amor entre uma jovem cega e um vagabundo. O encontro entre os dois decorre de uma forma espontânea, na rua. O jovem fica logo interessado. Ao longo do seu percurso (sempre colorido na atitude) encontra um milionário excêntrico a tentar suicidar-se. Chaplin com a sua alegria habitual incentivou…

The Vaccines gravam novo álbum em Março

O próximo trabalho dos The Vaccines será gravado em Março e conta com a produção de Ethan Johns (Ryan Adams, Kings of Leon).


Justin Young , vocalista do grupo, avançou ao NME que o álbum será lançado ainda este ano.


Até lá...