Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Dezembro, 2011

George Harrison na Foto da Semana

Agustina Bessa Luís em Dá que pensar...

A Fidelidade é a mais Integral de todas as Virtudes Humanas

 A fidelidade (...) é a mais integral de todas as virtudes humanas. O homem participa numa batalha e, sem a fidelidade, não conhece a sua luta; apenas usa da violência, interpreta uma vontade, é instrumento de uma opinião. A fidelidade move-o desde a sua origem, é a primeira condição da consciência. Não se efectuam coisas novas sem fidelidade. Não se engrandece a piedade ou se priva com o mais simples sentimento, sem a fidelidade. Uma acção progressiva tem que ter raízes tumulares, raízes naquilo que encerrámos definitivamente - uma era, um conhecimento, uma arte, uma maneira de viver. A fidelidade, disse eu, assegura-nos o tempo de criar e o tempo de destruir o que se tornou inconforme à imagem do homem. Nada é digno de valor, sem fidelidade.

Agustina Bessa-Luís, in 'Alegria do Mundo'
Fonte:Citador

Bombay Bicycle club no vídeo da semana

Espaço "The Indies"

The Vaccines - Brixton Academy, Londres (8 de Dezembro de 2011)

Qualquer apreciador de música que se preze deve, pelo menos uma vez na vida, ir a Londres. Esta recomendação faz tanto sentido na medida em que a capital britânica, como nenhuma outra cidade, é um autêntico viveiro no que à música indie diz respeito. Quem lá for pela primeira vez não será difícil deixar-se conquistar, na certeza porém que quererá voltar. Não sendo a minha estreia, seguramente não terá sido a última visita, assim o espero. Londres é irresistível e eu cada vez gosto mais dela.
Por Bruno Vieira
O concerto dos The Vaccines só foi decidido enquanto folheava um jornal que encontrei perdido no “tube” e que anunciava as datas de 7 e 8 de Dezembro. Em matéria de concertos não há cidade como Londres. Desde a mais pequena sala ao grande estádio, tão vasta e diversificada é a oferta que a escolha se torna difícil. Com a primeira data já esgotada, fiquei-me pela segunda que penso ter igualmente esgostado a avaliar pela p…

Riding Pânico na Luso Tape

Nelson Mandela em Dá que pensar...

Link da imagem

"A prioridade é sermos honestos connosco. Nunca poderemos ter um impacto na sociedade se não nos mudarmos primeiro. Os grandes pacificadores são todos gente de grande integridade e honestidade mas, também, de humildade."

Fonte:Citador

Posto Sonoro

George Harrison
Link da imagem

George Harrison-My sweet lord 


The Beatles-Hey Jude 
The Rolling Stones-Angie 
Pulp-O.U

Fleet Foxes-Grown Ocean
Arcade Fire-We used to wait 



The Waterboys-A pagan place  


The Doors-Love street
The Byrds-Wasn´t born to follow

 Jefferson Airplane-Somebody to love 



Jefferson Airplane no Som ao Vivo

Crítica Musical

Link da imagem


Iggy Pop

New Values
Dois anos após The Idiot e Lust for Life, a iguana mantém os valores (I´m bored é apenas um detalhe , va). Rock puro e duro sem qualquer muleta , adjectivação, como aliás já estamos habituados. 


Destaque:Tell me a story, The Endless Sea, Don´t look down 





4 stars



1-"Tell Me a Story" 
2-"New Values" 
3-"Girls" 
4-"I'm Bored
5-"Don't Look Down" 
6-"The Endless Sea" 
7-"Five Foot One"
8-"How Do You Fix a Broken Part"
9-"Angel" 
10-"Curiosity" 
11-"African Man" 
12-"Billy Is a Runaway" 

Espaço "The Indies"

Link da imagem


Girls no Lux (Lisboa) – 29/11/2011


Por Bruno Vieira

Mais do que uma típica reportagem de concerto, este texto é antes o relato de uma experiência, abordagem escolhida sempre que os meus conhecimentos de determinado músico ou banda são escassos. O facto de ter poucas referências (embora positivas) de Girls, banda de indie-rock de São Francisco, só aguçou ainda mais o apetite mal soube que iriam estar no Lux, em Lisboa.
Sem grande atraso e com a sala bem composta, os Girls liderados por Christopher Owens, cujo look faz lembrar Kurt Cobain, iniciaram o concerto com “My Ma” tema do seu mais recente longa-duração “Father, Soon, Holy Ghost”, o segundo de originais da banda, lançado este ano. Curiosidade ou nem tanto, foi o facto dos microfones estarem ornamentados com flores. Relembramos que os Girls vêm de São Francisco, cidade que esteve no centro do movimento de contracultura “Flower Power” contra a Guerra do Vietname. E é recuando até esse tempo que vamos encontrar as princip…

Gandhi em Dá que pensar...

Link da imagem


Se Queremos Alcançar

Se queremos alcançar neste mundo a verdadeira paz e se temos de levar a cabo uma verdadeira guerra contra a guerra, teremos de começar pelas crianças; e não será necessário lutar se permitirmos que cresçam com a sua inocência natural; não teremos de transmitir resoluções insubstanciais e infrutíferas, mas iremos do amor para o amor e da paz para a paz, até que finalmente todos os cantos do mundo fiquem cobertos por essa paz e por esse amor pelo qual, consciente ou inconscientemente, o mundo inteiro clama.

Mohandas Gandhi, in 'The Words of Gandhi'
Fonte:Citador

Natalie Wood e James Dean na Foto da Semana

Máquina do Tempo

Por Rato Cinéfilo http://ratocine.blogspot.com/
"L'Homme de Rio" é, hoje em dia, um perfeito desconhecido para as últimas gerações de cinéfilos. E quando falo em "últimas" estou-me a referir a um período que vem de vinte ou trinta anos atrás. Contudo, no ano em que se estreou [1964], foi um dos grandes sucessos do cinema francês, tendo sido também muito bem acolhido, um pouco por todo o mundo (pessoalmente tive a sorte de o poder ter visto, aos 12 anos, num grande écran de cinema). Trata-se de um filme aparecido na esteira da grande novidade que foi a eclosão da personagem de James Bond no cinema. Mas para além de se constituir num herdeiro directo dos dois primeiros filmes do agente secreto britânico, "L'Homme de Rio" teve ainda o grande mérito de conseguir revolucionar todo o cinema de aventuras. E que aventuras! De construção extremamente simples (como tudo o que é genuinamente bom), num equilíbrio quase perfeito entre a acção, o humor, o romance…

The Byrds em modo retroK7

Long way to Alaska na Luso Tape

Fernando Pessoa em Dá que pensar...

Do Contraditório como Terapêutica de Libertação 
Recentemente, entre a poeira de algumas campanhas políticas, tomou de novo relevo aquele grosseiro hábito de polemista que consiste em levar a mal a uma criatura que ela mude de partido, uma ou mais vezes, ou que se contradiga, frequentemente. A gente inferior que usa opiniões continua a empregar esse argumento como se ele fosse depreciativo. Talvez não seja tarde para estabelecer, sobre tão delicado assunto do trato intelectual, a verdadeira atitude científica.
Se há facto estranho e inexplicável é que uma criatura de inteligência e sensibilidade se mantenha sempre sentado sobre a mesma opinião, sempre coerente consigo próprio. A contínua transformação de tudo dá-se também no nosso corpo, e dá-se no nosso cérebro consequentemente. Como então, senão por doença, cair e reincidir na anormalidade de querer pensar hoje a mesma coisa que se pensou ontem, quando não só o cérebro de hoje já não é o de ontem, mas nem sequer o dia de hoje é o de o…

Álbuns internacionais 2011

O Top do Som à Letra (30+)
Link da imagem


1-PJ Harvey-Let England Shake 


2-James Blake-James Blake


3-Peter Murphy-Ninth 


4-Tom Waits Bad as me


5-Bon Iver-Bon Iver, Bon Iver


6-Fleet Floxes-Helplessness Blues


7-Kasabian-Velociprator


8-The Kills-Blood Pressures


9-The Strokes-Angles


10-Artic Monkeys-Suck it and see


11-DEus-Keep you close


12-Anna Calvi-Anna Calvi 


13-REM-Collapse into now


14-Beirut-The Ripe Tide 


15-Battles-Gloss Drop


16-Bjork-Biophilia 


17-Radiohead-The king of limbs 


18-Cults-Cults


19-Lykke Li-Wounded Rhymes


20-The Rapture-In the grace of your love 


21-Washed Out-Within and Without 


22-The Drums-Portamento


23-Metronomy-The English Riviera


24-Florence+ The Machine-Ceremonials


25-Cut Copy-Zonoscope


26-Girls-Father, son, holy ghost


27-Foster The People-Torches


28-The Pains of Being Pure At Heart 


29-The New Pornographers-Together


30-The Kooks-Junk of the heart 


31-The Cars-Move like this 

Já se encontram à venda bilhetes para o Festival Paredes de Coura

O festival Paredes de Coura já tem encontro marcado com a praia do Taboão nos dias 13, 14,15 e 16 de Agosto de 2012, com uma edição especial, marcada pelos 20 anos do evento. O campismo abre a 8 de Agosto. 
Os bilhetes já estão à venda nos locais habituais a partir de hoje por 70 euros (passe de quatro dias com direito a parque de campismo gratuito) , preço especial até 31 de Dezembro. 
A partir do dia 1 de Janeiro, o passe de quatro dias custa 80 euros. 

James Blake com novo vídeo

Noiserv e Photomaton em mais uma sessão do Club Offbeatz

Noiserv


Link da imagem


Esta quarta feira , pelas 21h00, o Music Box recebe mais uma sessão Club Offbeatz com videos  de Noiserv e Photomaton, e concertos de Panda Pompoir e T3KA


O Vídeo palco do tempo (Noiserv) conta com a realização de Miguel Gonçalves Mendes 



O video do tema Acende e Apaga (Photomaton) conta com a realização de Nuno Casanovas. 


À Conversa com...

Mário Dorminsky

 Link da imagem Figura ímpar da divulgação da sétima arte, nomeadamente do género fantástico, quem melhor podia acrescentar algum humor em terreno sério? Uma “dentada” na crise. O Mário respondeu assim a este desafio : “Olá...respondo-lhe em tom de graça mas com a consciência de que não ficarei mal visto...(claro que as opções sérias seriam outras!!!)
Por Luis Graça http://diazepam05.blogspot.com/2011/04/crise-e-musica-algumas-historias_18.html

Que tema musical acha mais adequado para retratar a atual situação que se vive em Portugal ?

Tema de Abertura escrito por Vangelis para o filme "Blade Runner - Perigo Iminente"...já que  vivemos num futuro sombrio...



Qual o tema que em situações mais delicadas o ajuda, ou sempre o ajudou a ultrapassar as mesmas? Alguma história que queira partilhar connosco relativamente a esse tema?

Tema de amor escrito por Vangelis para a banda sonora do filme "Blade Runner - Perigo Iminente"...Basta ouvir a música para se perceb…

Marcel Proust em Dá que pensar..

 Link da imagem
A Leitura não Deve Substituir o Pensamento
  Enquanto a leitura for para nós a iniciadora cujas chaves mágicas nos abrem no fundo de nós próprios a porta das habitações onde não teríamos conseguido penetrar, o papel dela na nossa vida será salutar. É perigoso ao invés quando, em vez de nos despertar para a vida pessoal do espírito, a leitura tende a substituí-la, quando a verdade deixa de nos surgir como um ideal que só podemos realizar através do progresso íntimo do nosso pensamento e do esforço do nosso coração, mas como uma coisa material, depositada eritre as folhas dos livros como um mel preparado pelos outros e que só temos de nos dar ao trabalho de alcançar nas prateleiras das estantes e de saborear em seguida passivamente num perfeito repouso de corpo e de espírito.

Marcel Proust, in 'O Prazer da Leitura'

Fonte:Citador

The Primitives no Vídeo da Semana

Posto Sonoro

The Primitives

Link da imagem


 Por Irene Leite
The Primitives-Summer rain 


The Jam-Going Underground 
The Stranglers-Golden Brown
 Muse-New Born 
The Cinematics- Love and terror 


The Raveonettes-I wanna be adored
The House of Love-Destroy the heart 
League-Your  World 

Best Youth-Tigers on the Catwalk
Elastica-Stutter




The Beatles na Foto da Semana

Elektra Zagreb na Luso Tape

O grupo já disponibilizou o segundo Ep "Giving birth the young wales" para audição e download, aqui.

Posto Sonoro

The Clash 


Link da imagem


David Bowie-Underground 


The Clash-Washington Bullets 





Big Audio Dynamite-Rush 


Pixies-La la love you 


The Black keys-Your touch 





The Raveonettes-Bang


Fleet Foxes-Grown Ocean 


David Bowie-Bewlay Brothers 





The Who-Quadrophenia


New Order-Age of Consent





À conversa com...

Andy Rourke 


Silêncio que se vai falar de "baixo"!

Já fiz muitas entrevistas no passado mas, quando temos o privilégio de entrevistar alguém que – como ele diz – fez parte de um gangue que foi igualmente parte da tua vida, da tua adolescência, significa muito para ti. Assim, partilho agora este momento com todos vós, estando certo que do “outro lado do monitor” estará alguém a reviver igualmente alguns dos seus melhores momentos e gostará na certa de ler estas linhas sobre o Andy Rourke, o ex- Smiths, o baixista, o DJ e, acima de tudo o músico.
Por Luis Graça

Como introdução – como sempre faço – gostava de saber o que tens feito nos últimos anos. Uma das tuas maiores ocupações no momento é ser DJ. Tu e os teus anteriores companheiros nos Smiths espalharam em tempos a palavra “Hang the DJ”/enforca o DJ. Afinal como é ?


Em primeiro lugar, não sou um DJ. Sou e sempre serei um músico. Dj’ing é algo que faço por gozo e que começou acidentalmente numa festa em casa de um DJ (músico) am…

Nuno Júdice em Dá que pensar...

Link da imagem 


Carta (Esboço)


Lembro-me agora que tenho de marcar um 
encontro contigo, num sítio em que ambos 
nos possamos falar, de facto, sem que nenhuma 
das ocorrências da vida venha 
interferir no que temos para nos dizer. Muitas 
vezes me lembrei de que esse sítio podia 
ser, até, um lugar sem nada de especial, 
como um canto de café, em frente de um espelho 
que poderia servir de pretexto 
para reflectir a alma, a impressão da tarde, 
o último estertor do dia antes de nos despedirmos, 
quando é preciso encontrar uma fórmula que 
disfarce o que, afinal, não conseguimos dizer. É 
que o amor nem sempre é uma palavra de uso, 
aquela que permite a passagem à comunicação; 
mais exacta de dois seres, a não ser que nos fale, 
de súbito, o sentido da despedida, e que cada um de nós 
leve, consigo, o outro, deixando atrás de si o próprio 
ser, como se uma troca de almas fosse possível 
neste mundo. Então, é natural que voltes atrás e 
me peças: «Vem comigo!», e devo dizer-te que muitas 
vezes pensei em faze…

Emissão -A Hora do Lobo

Link da imagem
Viajamos no tempo até 2003 para uma emissão, ao comando de António Sérgio e com convidados como António Freitas, Miguel Quintão e Álvaro Costa. Os fãs do lobo garantem a sua imortalidade, e a prova disso são as emissões que começam a ser partilhadas. Nesta edição para a Best Rock FM, os protagonistas são os Led Zeppelin. Confira.

Fonte: http://queimador-recortesretalhos.blogspot.com/2011/12/hora-do-lobo-especial-led.html

The Beatles no Baú Cinéfilo

Cine à Letra-Dezembro

Melancholia
Link da imagem

Chegámos a Dezembro, que como todos sabem, é a altura festiva de eleição para muitas pessoas com o Natal e o Réveillon no horizonte, altura de dar presentes às pessoas que amamos e de pedir para que o próximo ano seja (além de um melhor ano para todos nós) um ano fantástico para o Cinema. Vejamos que presentes estão guardados para nós nas próximas semanas.

Por Miguel Ribeiro
Começamos pelos filmes que aproveitam esta altura festiva para nos trazer um pouco de nostalgia e para justificar uma ida ao cinema para que possamos nos divertir e entreter um pouco sem pensar muito. Para começar, O Rei Leão regressa aos cinemas, uma das últimas grandes obras de animação da Disney e a primeira a ser dobrada em português, volta agora em 3D e promete apaixonar uma nova geração que ainda não conhece esta excelente obra. No capítulo da animação sugerimos também Happy Feet 2 e O Gato das Botas, ambos continuações de franchises já conhecidos embora O Gato das Botas aproveite esta…

The Cure no Som ao Vivo

Capitães da Areia apresentam canção de Natal

Link da imagem
“Senhoras e Senhores, esta é a verdadeira história de uma rena chamada Rodolfo que morreu para um dia ser recordada. Pezinhos que dançam em êxtase e guizos do além. Muita, muita agitação e uma carta tornada pública. A canção não vem embrulhada nem tem um laço a condizer mas eleva a tropicalidade que até hoje havia feito cerimónia em dar as Boas-Festas. Reinvente-se a história. Salve-se a tradição. A Quadra Natalícia merece ser celebrada", explica o grupo. 
Canção de Natal by Os Capitães da Areia

A canção está disponível para download no site da Antena 3 e no facebook do grupo.

Fernando Pessoa em Dá que pensar...

O Objectivo da Arte não é Ser Compreensível


Toda a arte é expressão de qualquer fenómeno psíquico. A arte, portanto, consiste na adequação, tão exacta quanto caiba na competência artística do fautor, da expressão à cousa que quer exprimir. De onde se deduz que todos os estilos são admissíveis, e que não há estilo simples nem complexo, nem estilo estranho nem vulgar. 
Há ideias vulgares e ideias elevadas, há sensações simples e sensações complexas; e há criaturas que só têm ideias vulgares, e criaturas que muitas vezes têm ideias elevadas. Conforme a ideia, o estilo, a expressão. Não há para a arte critério exterior. O fim da arte não é ser compreensível, porque a arte não é a propaganda política ou imoral. 


Fernando Pessoa, in 'Sobre «Orpheu», Sensacionismo e Paùlismo'
Fonte:Citador 

Best Youth na Luso Tape

Best Youth


Porque o Verão é eterno. 


Numa sonoridade melódica que abraça o Rock, o Indie e Electrónica , os Best Youth prometem.  O grupo é constituido por Edu Rocha Gonçalves e Catarina Salinas. Winterflies abre apetites e queremos (muito) mais.