Avançar para o conteúdo principal

:Papercutz no SXSW


Os :papercutz vão marcar presença novamente no Festival South by Southwest (SXSW). O mais recente trabalho, "The Blur between us", será o mote para o concerto.

Para já, segue-se a divulgação do trabalho. Já passaram por Lisboa, seguindo-se agora a invicta , a 28 de Janeiro, no Maus Hábitos. O álbum será editado a nível nacional (com edição internacional a meio do ano) pela Optimus Discos, a convite de Henrique Amaro.

Segundo nota à imprensa o grupo descreve o novo trabalho como "um estender do mundo introspetivo apresentado no trabalho de estreia para algo mais denso e negro indo de encontro à temática da conflitualidade das relações humanas e impregnado de percussão do mundo" em tudo semelhante à recente cover que fizeram da mítica banda "The Cure".



As letras incluem ainda a participação do escritor José Luís Peixoto.

O grupo passou um período em Nova Iorque com o produtor Chris Coady, concluindo o registo que segue a "Lylac", lançado pela editora Apegenine Recordings.  


A banda foi criada em 2005 por Bruno Miguel, tornando-se um duo com a norte americana Melissa Veras , destacando-se por uma "sonoridade electrónica contemporânea em jeito pop experimental". 


No South by Southwest a banda surge com nova formação ao vivo, incluindo o percussionista André Oliveira, do trio revelação de jazz portuense "Glauco".


O SXSW decorre de 13 a 18 de Março em Austin, Texas, EUA.


Comentários

Mensagens populares deste blogue

Foto da Semana

Iggy Pop Foto:Annie Leibovitz

Sitiados no Luso Vintage

Link da imagem


Sob a égide de João Aguardela, um talento musical falecido em 2009, nasceu nos finais dos anos 80 uma banda que trouxe para o panorama do rock português a música tradicional. Os Sitiados marcaram (e ainda conquistam) gerações, com novos sons e sobretudo, muito talento e atitude.



Por Gabriela Chagas


O tema “Esta vida de marinheiro” (vendeu mais de 40 mil cópias) é um dos exemplos desse novo som da década. Desapareceram em 2000 , mas deixaram-nos a sua herança. Sitiados, a banda hoje em destaque no Lusovintage do Som à Letra foi beber à tendência sonora dos irlandeses The Pogues.


José Resende (Guitarra), João Aguardela (Voz) e Mário Miranda (Baixo), todos eles ex-Meteoros, juntaram-se assim ao baterista Fernando Fonseca.

À semelhança de outras bandas emblemáticas dos anos 80, os Sitiados também marcaram presença no Rock Rendez Vous. Dinamizados por João Aguardela, concorrem ao 5º Concurso de Música Moderna do Rock Rendez-Vouz e ficam em 2º lugar, atrás da banda do seu primo Ar…

Cesário Verde

 Link da imagem
Poeta pintor, poeta repórter

Cesário Verde é um poeta do século XIX que se enquadra na estética realista, ainda que nas suas produções poéticas esteja presente a influência de outras correntes como o Parnasianismo, o Impressionismo e o Surrealismo. Para o autor, o mundo externo conta de modo pimacial , e é através da "descrição" deste mundo (mutável e miscelâneo) que lhe podemos conferir a designação do poeta repórter e poeta pintor.

Por Irene Leite 


Recorrendo ao poema ,  "Num Bairro Moderno" , podemos confirmar esse gosto pela descrição: "Dez horas da manhã; uma casa apalaçada ; pelos jardins estancam-se as nascentes". Ao descrever e relatar esta paisagem , o autor recorre à técnica cinematográfica do corte e da montagem de acontecimentos justapostos, ressaltando-se o seu carácter deambulatório , o que nos leva à conclusão de que Cesário Verde é um poeta repórter. 


No entanto, a sua poesia caracteriza-se também pela existência de uma …